Imprensa

Comunicados

Horizonte 2020: Graça Carvalho nomeada Relatora para o programa específico de execução

Horizonte 2020: Graça Carvalho nomeada Relatora para o programa específico de execução

2012-02-15 - Informação à Imprensa

Maria da Graça Carvalho, que integra a Comissão da Indústria, Investigação e Energia do Parlamento Europeu, foi confirmada hoje pelo Grupo do Partido Popular Europeu (PPE), o maior grupo político do PE, como Relatora para o programa específico de execução do Horizonte 2020.

Neste sentido, Maria da Graça Carvalho reagirá ao texto que a Comissão Europeia apresentou em 30 de Novembro de 2011 e irá "definir os modos de participação e os detalhes" das três prioridades estabelecidas no Horizonte 2020: a «Excelência Científica», a criação de «Liderança Industrial» e respostas aos «Desafios Societais». Enquanto o Programa-Quadro Horizonte 2020 define o objectivo geral, o Programa Específico de execução, da responsabilidade de Graça Carvalho, definirá os objectivos específicos, as prioridades e as linhas gerais das actividades das três prioridades.

A deputada pelo PSD afirma que "este relatório é crucial para a Europa pois ditará as prioridades europeias em matéria de ciência e inovação até 2020". Graça Carvalho também considera que este relatório "pode ter um papel fundamental para que os investigadores mais competentes e mais preparados se sintam aliciados a participar."   

No passado 30 de Novembro, a Comissão Europeia anunciou o aumento do financiamento para a investigação e inovação, uma maior simplificação e uma distribuição equilibrada entre os três pilares fundamentais: ciência, desafios societais e indústria.

Para Maria da Graça Carvalho, o Programa-Quadro Horizonte 2020 é "o motor para o crescimento e o emprego que a Europa precisa". Acrescenta também que Horizonte 2020 "confirmará a União Europeia como líder mundial no domínio da ciência" com um orçamento proposto pela Comissão Europeia de 24,6 mil milhões de euros; e "contribuirá para assegurar a liderança industrial em matéria de inovação", com um orçamento de 17,9 mil milhões de euros. Também, segundo a Comissão Europeia, 31,7 mil milhões de euros vão ser destinados à ciência e inovação na área dos grandes desafios societais, tais como: saúde, alterações demográficas e bem-estar; segurança alimentar, agricultura sustentável, investigação marinha e marítima e bioeconomia; energia segura, não poluente e eficiente; transportes inteligentes, ecológicos e integrados; acção climática, eficiência na utilização dos recursos e matérias-primas; e sociedades inclusivas, inovadoras e seguras.

Neste período Maria da Graça Carvalho reunirá e ouvirá os vários parceiros europeus, universidades, centros de investigação e empresas. Esta consulta pública terá como objectivo recolher contributos sobre o Horizonte 2020.

Maria da Graça Carvalho, que integra também a Comissão dos Orçamentos, foi também nomeada Relatora do PPE para acompanhar os relatórios nas áreas da ciência e inovação.