Imprensa

Comunicados

Prioridades em infra-estruturas energéticas para 2020 e mais além

Prioridades em infra-estruturas energéticas para 2020 e mais além

2011-07-04 - Informação à Imprensa

Maria da Graça Carvalho fez uma intervenção hoje durante a sessão plenária do Parlamento Europeu em Estrasburgo e declarou que a estratégia europeia para a energia e clima deve combinar a competitividade da economia com a segurança de abastecimento de energia e as preocupações ambientais.

A deputada acredita que para alcançar os objectivos propostos, é fundamental que haja um forte investimento nas infraestruturas de energia e congratulou-se com a proposta de criação de um Mecanismo Europeu de Conexão contida no Quadro financeiro plurianual (QFP) 2014-2022 adoptado pela Comissão Europeia.

Maria da Graça Carvalho lembrou que o Connecting Europe Facility pretende acelerar o desenvolvimento de infra-estruturas nas áreas de energia, transportes e tecnologias de informação e comunicação (TIC) com um orçamento de € 40 mil milhões de euros para o período 2014-2020.

A concluir, chamou a atenção deste mecanismo para o apoio às ilhas e das regiões ultraperiféricas, tais como as Ilhas Canárias, a Madeira, os Açores e as RUP francesas, cujos requisitos específicos em termos de infra-estruturas energéticas devem ser tidos em conta.