Imprensa

Comunicados

Maria da Graça Carvalho congratula-se com o acordo alcançado na COP17 e afirma que em Durban começou uma nova era

Maria da Graça Carvalho congratula-se com o acordo alcançado na COP17 e afirma que em Durban começou uma nova era

2012-01-18 - Informação à Imprensa

Maria da Graça Carvalho, que integrou a delegação do Parlamento Europeu em Durban, regozijou-se hoje durante o debate na sessão plenária, com os resultados obtidos o passado mês de Dezembro na Conferência do Clima.

Maria da Graça Carvalho reconheceu "o papel preponderante da UE durante as negociações" e congratulou-se com acordo alcançado, a Plataforma de Durban, "o qual será negociado até 2015 para entrar em vigor em 2020".

A deputada europeia acredita que em Durban "começou uma nova era. A era de um novo multilateralismo, na qual os compromissos de todos os países, industrializados e em desenvolvimento, terão o mesmo valor legal".

Maria da Graça Carvalho disse também que "por ser flexível, a Plataforma de Durban representa uma oportunidade, para a UE, de conciliar a luta contra as alterações climáticas com o crescimento económico".

A deputada recordou que em Durban, foi também decidido um segundo período de cumprimento no âmbito do Protocolo de Quioto, que começará a 1 de Janeiro de 2013 e terá uma duração de 5 a 8 anos, "assegurando, deste modo, a continuidade entre o protocolo de Quioto e o seu sucessor".

Maria da Graça Carvalho, integra a Comissão de Indústria, Inovação e Energia do Parlamento Europeu e foi a única eurodeputada portuguesa presente na 17ª Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas. A COP17 realizou-se em Durban, de 28 Novembro a 9 Dezembro.